A cidade de Barão de Cocais/MG recebe neste fim de semana os melhores pilotos do Brasil para encararem uma incrível aventura pelas trilhas casca grossa da região. O evento começa neste sábado dia 30/09 com largada para o prólogo as 14H.

Já no domingo dia 01/10, os competidores saem em comboio do Espaço de eventos José Furtado rumo a boca das trilhas da região, passando por desafios pra lá de insano onde testará a força física e a resistências de maquinas e pilotos retornando ao fim do dia para a merecida premaição.

O BarãoManiacs e válido pelo Brasileiro de Hard Enduro 2017 e é realizado pela 3R Motos.

Boa sorte os competidores.

Por Leo "Corrosivo" direto da redação.

Borá encarar as desafiantes trilhas da cidade de São Tomé das Letras no Sul de Minas? Está é a proposta da 10 Edição do Enduro em uma das cidades mais altas do Brasil, localizada entre as montanhas da Serra da Mantiqueira e que será palco da 9ª Etapa da Copa Sul Mineira de Regularidade 2017.

Este ano Saulo Silva, levantador e um dos organizadores da prova escolheu os melhores trechos com muito roteiro, trilhas travadas, surpresas, médias justas para cada categoria, com a garantia que todos terminarão satisfeitos.

Confira a programação abaixo e venha desfrutar das incríveis trilhas da região:

INSCRIÇÕES: R$ 130,00, até 15/10/2017 após esta data R$ 150,00, via site: www.ipesoffroad.com.br

21/10/2017 – SÁBADO – INSCRIÇÕES: 17:00Hs às 21:00Hs

22/10/2017 – DOMINGO – INSCRIÇÕES: 07:30Hs às 09:30Hs

Local da Largada: Praça Barão de Alfenas, Centro de São Thomé/MG.

Ação Social: todos os pilotos terão de recolher uma taxa no valor de R$ 10,00, revertido em benefício de contra partida a Brigada de Incêndio de São Thomé das Letras e será recolhido na entrega dos jalecos de identificação.

CATEGORIAS: MASTER/SENIOR/OVER 40/OVER 45/JUNIOR/OVER50/NOVATOS/DUPLA

Premiação – TROFÉUS

MASTER/SENIOR/ OVER 40/ OVER 45: 1º ao 5º Lugar

JUNIOR: 1º ao 10º Lugar

OVER 50: 1º ao 3º Lugar

NOVATO: 1º ao 10º Lugar

DUPLA: 1º ao 3º Lugar;

ONDE FICAR:

POUSADA DAS LETRAS

R. Camilo Rios, 210 - Centro, São Thomé das Letras - MG, 37418-000

Telefone: (35) 3237-1238

www.pousadadasletras.com.br

POUSADA MINEIRA

R. Emílio Teodoro da Silva, 121, São Thomé das Letras - MG, 37418-000

Telefone: (35) 3237-1306

www.pousadamineira.com.br

POUSADA ARCO IRIS: Rua João Batista Neves, 225 - Centro, São Thomé das Letras - MG, 37418-000

Telefone:(35) 3237-1212 - site: www.pousadaarcoiris.com.br

Demais 67 locais para hospedagem clique aqui >> https://goo.gl/LKoaB4

Contato: 35 99843 7881 - Saulo Silva ou 31 99202 2300 - Lu Anjos.

O IX Enduro de São Thomé das Letras tem o apoio da Prefeitura Municipal, Secretarias de Esportes, Turismo e Meio Ambiente de São Thomé das Letras.

Por Leo “Corrosivo” com informações de apoio Braap Uai Tour.

A data da próxima etapa do Campeonato Mineiro de Motocross já está definida.  No dia 18 de novembro, os pilotos das 14 categorias profissionais e amadoras que compõem o certame entrarão novamente na pista para disputar mais 25 pontos na classificação. 

Detalhes como local, programação e inscrições serão divulgados em breve no site: www.cassiosracing.com.br

Colaboração e foto: FMEMG

O Brasil encara neste fim de semana, 30 de setembro e 1 de outubro, o Motocross das Nações, que será realizado em Matterley Basin, na Inglaterra. A competição reúne seleções de diversos países.

A equipe que representará o Brasil é formada por:

#70        LIMA Marcello MXGP

#71        SANTOS Fabio   MX2

#72        LIMA Eduardo   OPEN

O chefe de equipe será Manuel Hermano, o Cacau. “Estamos com uma das melhores formações dos últimos anos. Todos os três pilotos andam em bom nível. Estamos muito confiantes. Tenho certeza que o time irá lutar até o fim para trazer bons resultados”, ressalta o chefe de equipe.

Dudu Lima que voltará a fazer parte do Team Brasil este ano irá acelerar pela principal categoria. "Estou bem feliz de poder representar o Brasil de novo. Espero fazer um ótimo trabalho. Acredito que temos grande chance de classificar. Vou dar o meu melhor", afirma o piloto.

Já Fabinho Santos fará a terceira participação consecutiva na competição. "O primeiro ano foi bem difícil, era tudo novo para mim, mas ano passado já consegui andar melhor. Espero que neste ano a gente consiga alcançar nosso objetivo", conta Fábio Santos.

Colaboração e foto: CBM/Cesar Araújo

A cidade mineira de Lagoa da Prata no centro oeste do estado recebe neste fim de semana entre os dias 30/09 a 01/10 os melhores pilotos de Enduro de Regularidade do Brasil. Além disto, a prova será válida pelo Mineiro e Sul Mineiro de Regularidade e promete muita adrenalina pelas trilhas da região.

Ainda dá tempo de participar. Acesse o link abaixo e faça sua inscrição: www.copaamsm.com.br

Por Leo "Corrosivo" direto da redação.

O piloto Bruno Crivilin, Campeão do Red Bull Romaniacs 2017 na Categoria Silver, embarca nesta quinta-feira (28) para o Chile, onde no final de semana encara o Red Bull Los Andes.

Lama, neve e muitos obstáculos. Estes são os desafios que esperam pelo brasileiro Bruno Crivilin no Chile, em uma das provas mais desafiadoras da América. O Red Bull Los Andes é uma dura, exigente e emocionante competição que acontece nos Andes Chilenos, mais precisamente em Nido de Condores.

Serão 250 competidores enfrentando o respeitado e temido percurso do Nido de Condores, onde o principal objetivo é conseguir terminar a prova, já que a cada ano uma porcentagem inferior a 15% dos pilotos que largam conseguem concluir esse desafio. Sempre com um grande público, a cada nova edição aumenta ainda mais o número de espectadores que acompanham a prova.

No sábado acontece um prólogo qualificatório, que também define a ordem de largada da prova do domingo. Na quarta edição, o evento contará com um final de semana de muita ação, além de clínicas e atividades durante todo o sábado e domingo.

Para Bruno Crivilin, vencedor do Red Bull Romaniacs 2017 na categoria Silver, será uma boa oportunidade de ver como está o seu nível e medir forças com vários pilotos estrangeiros.

“Terminei o Romaniacs lesionado e depois fiquei um tempo de molho, sem treinar. Fui para o Six Days sem estar nas minhas melhores condições, mas consegui concluir meu objetivo, que era uma boa colocação pra nosso time e a medalha de ouro individual. Agora estou quase retomando a minha melhor forma. Não sei ainda o que me espera no Chile, mas quero brigar pelas primeiras posições, apesar de saber que terminar a prova já será um grande desafio.”, disse Crivilin, que embarca nessa quinta pela manhã para Santiago, capital chilena.

O piloto sabe que o desafio é grande e que terá que enfrentar, além de fortes adversários, o calor, a poeira e até a neve para conquistar uma boa colocação.

“Muitos largam e poucos chegam. Essa prova já foi vencida por pilotos como Cyril Després, Homero Dias e Benjamin Herrera. Quem sabe consigo representar bem o Brasil e colocar nosso nome nessa história também? Sei que terei muitos competidores em alto nível e um percurso muito exigente, mas quero lutar até o fim por um bom resultado”,  finalizou Crivilin.

Bruno disputará a Categoria Super Expertos, a principal. Leva na bagagem a expectativa de um bom resultado e a certeza de ter que encarar as longas subidas da Cordilheira dos Andes: os organizadores já divulgaram, serão as mais difíceis subidas de todas as edições.  

Carlos Augusto Constantino, chefe da Equipe Orange BH KTM Racing, segue com Bruno para o Chile. A expectativa é a melhor possível, como ele adiantou:

“Embarcamos nesta quinta para o Chile, com uma boa expectativa. O Bruno já conquistou um resultado histórico para o Brasil vencendo o Romaniacs. No Six Days de Enduro, conquistou a Medalha de Ouro, mesmo competindo lesionado. Ele está em uma fase muito boa, de muitas conquistas e cada vez com mais experiência internacional, apesar da pouca idade. Acho que nenhum piloto brasileiro conquistou tanto quanto ele já conquistou na sua idade. Porém, em uma prova como essa, tem que dar tudo certo, são diversas variáveis que podem comprometer o resultado. Mas conhecemos o Bruno, sabemos do que é capaz.”

Guto e Crivilin embarcam na manhã desta quinta-feira (28) rumo a Santiago. O retorno será já na segunda-feira, 02 de Outubro.

Confira abaixo a programação completa do evento:

 Sábado
9h às 10: Credenciamento dos pilotos
10h às 11h20: Entrada ao parque fechado
11h45: Briefing
 12h: Classificação
13h: Clínicas
18h: Fechamento do Circuito/Encerramento da classificação
18h30: Divulgação da lista oficial de classificados e ordem de largada do domingo
19h às 20h: Ingresso ao parque fechado
20h às 23h: Sunset Red Bull
23h: Encerramento das atividades

Domingo
9h30 às 11h: Entrada ao parque fechado para trabalhos
11h às 12h: Entrega dos cartões
12h30: Briefing técnico (diretor de prova)
13h: Largada Categoria Súper Expertos
13h10: Largada Expertos
13h20: Largada Intermedios e Mulheres
16h20: fechamento do circuito
17h: Premiação
17h30: Encerramento

A Equipe Orange BH KTM Racing tem patrocínio da KTM Brasil, Borilli Racing, ASW, Motul, BR Parts, Dragon, Gaerne, Exceed, MrPro, BMS Racing, USWE, Academia do PIC e Alex Design. Pertence ao Grupo Orange, que distribui no Brasil com exclusividade as marcas Airoh e Kini Red Bull. São mais de quatro mil produtos nas concessionárias Orange BH KTM, O2BH Yamaha e O2BH Kawasaki, que se localizam em Belo Horizonte e possuem juntas 1.650m2, a maior loja do segmento no Brasil. Mais informações em orangebh.com.br ou o2bh.com.br.

Colaboração e foto: Orange BH/ Red Bull

Neste domingo (24), em Mogi das Cruzes (SP), a Copa EFX Brasil entrou na reta final da temporada 2017. Tradicional sede da competição de enduro, a cidade na região metropolitana de São Paulo surpreendeu os pilotos com um local privilegiado servindo de base às equipes na quinta e penúltima etapa deste ano. Nas trilhas, mais uma vez o português Luís Oliveira se sobressaiu. Vencendo a categoria Elite e a Geral, o piloto da Honda Racing Enduro Team manteve a invencibilidade no campeonato e ficou muito próximo do título de campeão e da temporada perfeita.

Ao longo da prova os competidores percorreram quatro voltas de aproximadamente 26 quilômetros, com três especiais cronometradas: o Cross Teste da Avenida Cívica, o Cross Teste do Caqui e o Enduro Teste do PK (Paulo Kauffmann). A passagem dos pilotos e motos chamou a atenção do público que prestigiou as disputas na região central do município. Um telão transmitindo imagens ao vivo da corrida foi montado no local e a apresentação de Wheeling da equipe X Moto Show também fez sucesso reunindo muitos aficionados. Os resultados puderam ser acompanhados em tempo real através do sitema TotemNow, uma novidade implantada este ano na modalidade.    

A disputa pela vitória na Elite, principal categoria da EFX, foi acirrada. Luís Oliveira superou o companheiro de equipe Júlio Ferreira por apenas 10 segundos e a vitória representou um grande passo em direção ao título. "Foi uma corrida um pouco difícil com a lesão que sofri no Brasileiro semana passada. Mas trabalhamos da melhor maneira para obter aqui o melhor resultado possível. Consegui uma vitória importantíssima para mim e para Honda nesta altura da copa, mantivemos a invencibilidade e estamos próximos de sermos campeões, basta largar na final. É muito entusiasmante para mim vir mais um ano ao Brasil e conseguir um dos meus objetivos", destacou o piloto que já conta com um título da Copa EFX no currículo, conquistado em 2014.

"É um batalha dura, de trabalho o ano inteiro e estou junto a pessoas boas e focadas nesse objetivo. Não podia estar mais feliz, tenho uma pequena lesão no braço, mas tenho certeza que vou recuperá-la rápido para ir bem na última etapa", completou o português.

Na categoria Júnior não foi diferente, pelo contrário, a decisão foi ainda mais apertada: Vinícius Calafati superou Gabriel Soares, o Tomate, por menos de meio segundo! Desde o início da competição, os dois seguem se alternando no topo do pódio, por isso a expectativa é muito grande para ver com quem ficará o título. 

Calafati não teve um início muito favorável, mas conseguiu reverter o resultado ao longo da prova. "Foi uma prova muito boa aqui em Mogi. Eu comecei meio devagar e acabei deixando a moto apagar duas vezes nas primeiras especiais. E depois como seriam especiais mais abertas, já pensei que teria dificuldades e tive mesmo! Mas consegui fluir bem, atacar nas especiais de enduro, tirar a diferença e vencer por uma margem bem pequena. O campeonato está bem disputado entre mim e o Tomate e agora é foco total para decisão. Vou com a faca entre os dentes", prometeu o piloto da Sacramento Racing, que também foi destaque na Geral com a terceira colocação.  

Tomate, da Honda Racing, lamentou deixar a vitória escapar por tão pouco. "Mais uma prova concluída, mais uma prova bem dura. Hoje a diferença foi de apenas 4 décimos em relação ao Calafati. Isso mostra que o campeonato está bom, está evoluindo, tem pilotos fortes e está bem competitivo. Na próxima quem ganhar será campeão e vamos trabalhar forte para sair com esse título na Copa EFX Brasil", garantiu o mineiro, quarto colocado na Geral.

Com três pilotos entre os quatro primeiros da classificação, a Honda Racing Enduro Team liderou o dia entre as equipes. KTM Sacramento, em segundo, e Honda Motofield, em terceiro, completaram o pódio. "Tivemos um resultado legal com a dobradinha na categoria Elite e na Geral. O Luis Oliveira teve um pequeno acidente no Brasileiro semana passada em Araxá (MG), mas conseguiu enfrentar as dores para vencer a corrida e disparar na liderança do campeonato", destacou o chefe da equipe Felipe Zanol.

"O Júlio Ferreira, que esteve ausente em uma etapa foi segundo na geral. O importante para a gente é que a Honda Racing venceu novamente por equipes, e vamos para a final do campeonato em Guararema firmes e fortes na disputa pelo campeonato", finalizou.

Pela E1, Victor Miranda alcançou a quarta vitória, mas sabe que não pode perder a atenção nesta reta final. "A prova foi bem legal. Como sempre as especiais foram bem bacanas, muito bem sinalizadas. Foi uma prova sem detalhes. Mais uma vitória no campeonato, continuo liderando a E1 e agora o foco é na última etapa. Espero que corra tudo bem para ser campeão. É isso aí, estou muito feliz com o resultado", disse o líder da categoria que superou Júlio Zavatti, o Bissinho, e o piloto de motocross Caio Lopes nesta etapa. 

Enfrentando uma maratona de competições, Janaína Souza não deixou o ritmo cair na categoria Feminina. "A etapa foi muito especial, recebi uma homenagem da organização pelo trabalho que fiz no Rally dos Sertões. Eu venho do Sertões numa sequência com o Enduro da Independência, Brasileiro de Enduro e agora a Copa EFX Brasil", explicou a piloto que ganhou um troféu especial do Adrenatrilha Trail Club, assim como os colegas Jean Azevedo e Bissinho, ambos campeões da edição 2017 do rali.

"O corpo sente, né, mas é bom estar em contato com a moto todos os finais de semana trazendo ótimos resultados. A etapa foi divertida, num terreno bem técnico. Consegui manter um bom rendimento, vencer todas as especiais e garantir mais um primeiro lugar", destacou Jana. Lucianna Timm e Aline Gorgulho fecharam a etapa em segundo e terceiro, respectivamente.

Líder da categoria E4, Bruno Martins tropeçou pela primeira vez na temporada e não foi além da terceira colocação em Mogi das Cruzes. No entanto, o Rinaldi ASW Zanol Team seguiu no topo da categoria com a vitória de Vinícius Souza. "Foi uma prova tranquila, imprimi um ritmo bom desde o início sem errar e ganhei quase todas as especiais. Gostei bastante dos dois cross testes e do enduro teste que mesclou trechos bem abertos com mata fechada. Foi bem bacana", comemorou o mineiro companheiro de Martins na equipe. A segunda colocação ficou com o paulista Ravi Lopes.

Na E2, Washington Silva, o Caipirinha, superou Renan Bueno e Bruno Araújo, o Morsa. Pela E3, Nicolas Rodriguez alcançou a quarta vitória seguido por Leonardo Malagutti e Eduardo Tomita. O veterano Nielsen Bueno permanece imbatível na E35, onde bateu Marcos Betencorte e Luciano de Menezes. Na E45 Fábio Bizarria foi o primeiro, Eduardo Guimarães o segundo e Deivi Domene o terceiro. Washington Caipira manteve a invencibilidade na E50 deixando para trás Hudson Vieira e Júlio Figueiredo.

Nas demais categorias os vencedores foram: Marcos de Ulhoa Gebhardt (E5), Reinaldo Almeida (E6), Yan Proque (E CRF230F), Léo Kauffmann (Trilheiros Importada) e Pedro Silva (Trilheiros Nacional).

O organizador Fabião Simões ficou satisfeito com o sucesso do evento. "Já são oito anos fazendo provas de Enduro FIM aqui em Mogi das Cruzes, uma cidade que respira o nosso esporte e nos acolhe com uma excelente infraestrutura. Temos aqui um espaço excelente que é difícil encontrar em outros lugares. Tenho que agradecer ao Paulo Kauffman e ao Grupo Shibata, que cederam suas propriedades para fazermos as especiais, e também a Polícia Militar, a Prefeitura Municipal e suas secretarias que não mediram esforços para a realização desta prova", lembrou.

O diretor do Adrenatrilha Trail Club ressaltou também as inovações que a competição está implantando no enduro nacional. "As novas ideias que estamos trazendo estão sendo muito bem aceitas. A transmissão de imagens ao vivo pelo Facebook ainda é um trabalho que estamos desenvolvendo em parceria com o Fernando, mas estamos trabalhando para chegar na excelência. No futuro devemos ter mais novidades para levar o enduro a um público maior. Aqui não temos a cultura da Europa onde o público vai para o meio do mato assistir e hoje em dia já temos equipamentos disponíveis para transmitir do meio das trilhas, basta ter o sinal de internet", destacou.

A grande final da Copa EFX Brasil 2017 está confirmada para o dia 22 de outubro na cidade de Guararema (SP).

Elite
P. No, Piloto, Tmp Total

1. 1, Luis Miguel Anjos Oliveira, 0:36:23,04
2. 2, Julio César Ferreira Eliziário, 0:36:33,08

Júnior
1. 3, Vinicius Calafati Ribeiro, 0:37:21,05
2. 4, Gabriel Lucas Soares, 0:37:21,09

E1
1. 5, Victor Camargo Miranda, 0:37:46,08
2. 6, Júlio César Zavatti, 0:38:55,07
3. 8, Caio Lopes Fernandes, 0:39:00,02
4. 7, Rodrigo Matavelli Pagano, 0:40:09,03
5. 9, Vitor Pinheiro Siqueira, 3:18:11,09

E2
1. 11, Washington Pereira Silva, 0:38:49,01
2. 10, Renan Bueno da Silva Filho, 0:39:06,06
3. 12, Bruno Navas de Araujo, 0:39:57,04
4. 13, Rodolfo Ripamonti, 0:42:12,07
5. 40, Cladiney Couto, 0:42:49,03

E3
1. 14, Nicolas Rodriguez Rodriguez, 0:38:47,08
2. 18, Leonardo Matuno Malagutti, 0:42:09,07
3. 15, Eduardo Namiji Tomita, 0:42:35,06
4. 17, Peterson Rebechi, 0:43:21,10
5. 16, Bruno Russo, 0:46:15,06

E4
1. 26, Marcos de Souza Oliveira, 0:38:42,05
2. 27, Ravi Rodrigues Lopes, 0:39:55,08
3. 22, Bruno Batista Martins, 0:39:58,05
4. 24, Vitor Martins Menino, 0:40:03,03
5. 23, Fabrício Lasmar Silva, 0:40:31,01

Over 35
1. 31, Nielsen Bueno, 0:37:56,01
2. 32, Marcos Pereira Betencorte, 0:39:17,06
3. 34, Luciano de Menezes, 0:41:51,01
4. 33, Marcio Tazzinazo Grandão, 0:42:29,04
5. 73, Geraldo Almeida Filho, 0:43:03,00

Over 45
1. 38, Fabio Bizarria, 0:42:22,02
2. 43, Eduardo Guimarães, 0:45:17,02
3. 44, Deivi Sarti Domene, 0:48:48,07
4. 41, Edson Dutra de Oliveira Junior, 0:51:09,06
NC, 39, Julio Cesar Pereira, 5:32:01,09

Over 50
1. 47, Washington Caipira, 0:43:29,01
2. 50, Hudson de Goes Vieira, 0:47:10,00
3. 51, Julio Figueiredo, 0:47:28,07
4. 49, Cesar Menconi, 0:57:09,04
NC, 52, Valvissir Aguilar, 4:47:05,03

E5
1. 54, Marcos de Ulhoa Canto Gebhardt, 0:42:29,08
2. 57, Miguel L. Miranda, 0:44:01,01
3. 55, Murilo Silveira Rodrigues, 0:44:41,01
4. 58, Thales Uemura, 0:46:06,02
5. 60, Milton Martins Medina, 0:46:37,01

E6
1. 63, Reinaldo Muniz de Almeida, 0:41:57,06
2. 66, Caio Zanettin, 0:42:27,05
3. 64, Renato Uemura, 0:45:15,04
4. 70, Rogério Rodrigues Montilla, 0:45:57,07
5. 72, Vinicius Arenas, 0:47:49,03

E CRF230F
1. 76, Yan Bueno Proque, 0:41:00,01
2. 78, Luciano Drumond Rocha, 0:41:30,09
3. 77, Leandro da Silva Oliveria, 0:43:10,09
4. 79, Andre Ricardo Costa Lima, 0:44:21,04
5. 81, Rodrigo Rorigues Araujo, 0:44:22,09

Feminina
1. 90, Janaina Souza, 0:42:52,06
2. 91, Lucianna Timm Tripaseca, 0:49:30,04
3. 93, Aline Gorgulho, 1:05:56,05
NC, 94, Rosa Cecilia Freitag, 4:55:39,06

Trilheiros Importada
1. 98, Leo Kauffmann, 0:44:27,05
2. 103, Robson D Alberto, 0:47:07,05
3. 106, Vinicius Lopes Aguilar, 0:47:38,07
4. 95, Luiz Ciocchi Almeida Melo, 0:49:49,10
5. 99, Felipe Vilas Bôas Silva Santos, 0:49:50,09

Trilheiros Nacional
1. 109, Pedro Henrique Ramos da Silva, 0:45:38,09
2. 110, Guilherme Ciocchi Almeida Melo, 0:51:56,03
3. 111, Marcelo de Oliveira Fernandes, 0:55:54,04
4. 113, Fabio Henrique Timm, 0:59:39,10
5. 114, Tadeu S. Barini, 1:12:08,06

Resultado por Equipes

1. Honda Racing Enduro Team, 1:50:19,20
1 Luis Miguel Anjos Oliveira
2 Julio Cesar Ferreira Eliziário
4 Gabriel Soares

2  KTM Sacramento, 1:53:04,39
3 Vinicius Calafati Ribeiro
5 Vitor Camargo Miranda
31 Nielsen Bueno

3. Honda Motofield, 1:57:19,88
6 Julio Cesar Zavatti
10 Renan Bueno da Silva Filho
32 Marcos Pereira Betencourte

4. CTC, 1:57:34,39
14 Nicolas Ridriguez Rodriguez
11 Washington Pereira Silva
12 Bruno Navas de Araujo

5. BMP Motoparts, 2:03:02,16
23 Fabrício Lasmar Silva
76 Yan Bueno Proque
78 Luciano Drumond Rocha

A Copa EFX Brasil de Enduro é realizada pelo Adrenatrilha Trail Club com patrocínio da Honda, co-patrocinio da Rinaldi e IMS, e apoio da Motofield, Sig Visual, Stocovich, Edgers, Color Art, Ibéria, Rota do Frango e Prefeitura de Mogi das Cruzes (SP).

Colaboração e foto: Publix/Mauricio Arruda

A Capital Mineira recebeu neste domingo de sol (24/09/2017) mais uma vez o DGR (The Distinguished Gentleman's Ride) que reuniu mais de 260 motociclista para uma volta pelas ruas e peças da cidade.

O local escolhido para a concentração foi nada menos que a Sala Minas Gerais, a casa da Orquestra Filarmônica para receber os distintos cavalheiros em suas motos clássicas. Logo cedo, a Triumph BH ofereceu um café típico mineiro onde os participantes puderam bater um bom papo as sombras do hall de entrada da Sala Minas Gerais.

Aos poucos mais pilotos bem vestidos chegavam com suas motos clássicas ao local enchendo a rua com sua maquinas e registrando diversas fotos do encontro. Além disto, food trucks preparavam para mais tarde após o evento receber de braços abertos os distintos motociclistas.

As 11:30 da manhã a sirene das motos da Policia Militar e da Guarda Municipal ecoaram pelas ruas de Belo Horizonte levando o comboio de motos pelas ruas da cidade, passando pelas principais vias como a Avenida do Contorno, Viaduto de Santa Tereza e de onde os moradores acenavam a passagem dos pilotos.

Um dos pontos mais charmosos do passeio foi a parada com as motos na alameda da Praça da Liberdade com mais direito a registrar muito mais fotos e de colocar a conversa em dia sem esquecer do objetivo do DGR, que é conscientizar e arrecadar fundos para a Fundação Movember, que se dedica a pesquisas sobre câncer de próstata e saúde mental dos homens.

Depois desta gostosa parada, era hora de volta as ruas e retornar até a Sala Minas Gerais para registrar a tradicional foto com todos os participantes do DGR e finalizar o evento com os amigos com direito participar de inúmeros sorteios de brindes.

Sem dúvida, o ano que vem estarei lá de novo!

Por Leo "Corrosivo" direto do DGR BH - 2017.

O BH Trail Club realizou neste domingo 24/08 novamente no Bairro Vale do Sol em Nova Lima/MG, uma das portas de entrada das trilhas na região de Macacos.

A blitz de hoje enfatizou em conscientizar os treieros da responsabilidade de evitar manobras abusivas no trânsito local, estacionamento regular e do respeito a comunidade com ações de bom convívio como evitar troca de roupa em área pública entre outras ações.

O evento contou com a participação da Polícia Militar, Polícia Ambiental, diretores da associação do bairro, do Presidente da FMEMG, Equipe Cobra, Q4 Enduro Team, Cano Cheio Enduro Team, Barranco de Minas, TCMG e Cavucando Enduro Team.

Por Leo “Corrosivo” direto da redação

Foto: Tadeu/Mercado OffRoad

s pilotos e motos da Copa EFX Brasil de Enduro já estão prontos para invadir as lindas trilhas de Mogi das Cruzes (SP). Neste domingo (24), a quinta e penúltima etapa do campeonato promete fortes emoções em um percurso inédito de aproximadamente 26 quilômetros com três testes cronometrados. Os competidores terão pela frente quatro voltas no trajeto até a definição dos vencedores nas 16 categorias da competição.

A organização do evento trabalhou duro no levantamento das trilhas e já revelou alguns detalhes do que vem por aí. O Cross Teste da Avenida Cívica, bem ao lado de onde ficará a concentração das equipes, será um ótimo ponto para o público acompanhar a passagem das motos e torcer durante a competição. O Cross Teste do Caqui, segunda especial da prova, terá cerca de 1.500 metros de extensão por uma belíssima propriedade repleta de árvores da fruta. Na sequência, antes do retorno ao ponto de partida, o Enduro Teste do PK, com 3 quilômetros, deve ser decisivo na luta pelo pódio.

Assista no Facebook: clipe de apresentação da quinta etapa da Copa EFX Brasil

A transmissão ao vivo através do perfil do Adrenatrilha Trail Club no Facebook também está confirmada com imagens do Cross Teste, da área de box e bate-papos com convidados. Quem estiver no local da prova poderá assistir tudo por um telão e ainda acompanhar os resultados da corrida em tempo real pelo sistema TotemNow.

O evento terá uma farta praça de alimentação com muitas barracas do fundo social e food trucks  No sábado, das 10h até às 13h, o show de Wheeling da equipe X Moto Show será mais uma ótima atração do fim de semana.

Os vencedores da etapa em todas as categorias serão premiados pela revista Pró Moto com um ano de assinatura digital. Para deixar os fãs do motociclismo por dentro das últimas notícias, a Pró Moto também criou recentemente um aplicativo que já está disponível pra baixar gratuitamente nas lojas da Apple e do Google.

Incrições antecipadas com desconto terminam nesta quinta-feira

As inscrições com desconto serão encerradas nesta quinta-feira, dia 21, por isso os interessados em participar da prova devem se apressar em confirmar a presença pelos sites www.adrenatrilha.com.br ou www.megatrilha.com.br. Para mais informações basta entrar em contato com a organização pelo telefone (11) 4513-5421.

Serviço

Copa EFX Brasil - 5ª etapa
Data: 24 de setembro de 2017
Cidade: Mogi das Cruzes (SP)
Local: Avenida Cívica - Bairro Vila Mogilar, ao lado do Mercado Municipal
Inscrições: antecipadas com desconto até o dia 21 de setembro pelos sites Adrenatrilha e Megatrilha
Informações: (11) 4513-5421 Adrenatrilha / (11) 99956-8006 Fábio Simões (Fabião)
Sites: www.adrenatrilha.com.br ou www.megatrilha.com.br

Hospedagem em Mogi das Cruzes (SP)

Hotel Ibis
Endereço: Av. Ver. Narciso Yague Guimarães, 372 - Vila Partenio, Mogi das Cruzes (SP), 08780-200
Telefone: (11) 2813-3800
Site: https://www.accorhotels.com/pt/hotel-7823-ibis-mogi-das-cruzes-shopping/index.shtml

*Programação

Sábado (23/09)
6h - Abertura do Parque de Eventos para montagem dos boxes;
10h - Início do show de Wheeling com a Equipe X Moto Show;
13h - Término do show de Wheeling com a Equipe X Moto Show;
14h - Início do curso de primeiros socorros com o Subtenente Dutra, do MOB;
15h30 - Término do curso de primeiros socorros com o Subtenente Dutra, do MOB;
16h - Término das atividades do dia 23.

Domingo (24/09)
7h -  Abertura da secretaria;
7h30 - Início da vistoria técnica e entrada no parque fechado;
8h45 - Briefing técnico aos pilotos e equipes;
9h - Início das largadas com os primeiros pilotos;
10h - Fim da vistoria técnica e entrada no parque fechado;
10h - Fechamento da secretaria;
15h30 - Previsão da premiação aos campeões;
17h - Encerramento das atividades.

*Programação sujeita a alterações

Download do ranking completo por categorias (em arquivo PDF):
Ranking Categorias
Ranking  Feminina
Ranking Geral

Categorias:
Elite (Força Livre) - Pilotos classificados no resultado geral.
Júnior (Força Livre) - Pilotos de até 23 anos.
E1 (Pró) - Motos até 150cc 2T e até 250cc 4T.
E2 (Pró) - Motos de 175cc até 250cc 2T e de 251cc até 450cc.
E3 (Pró)- Motos acima 251cc 2T e acima de 450cc 4T.
E4 (Pró) - Motos originalmente de até 28CV.
E35 (Força Livre) - Pilotos acima de 35 anos completados no ano.
E45 (Força Livre) - Pilotos acima de 45 anos completados no ano.
E50 (Força Livre) - Pilotos acima de 50 anos completados no ano.
E5 (Novato) - Motos até 150cc 2T e até 250cc 4T.
E6 (Novato) - Motos de 175cc até 250cc 2T e de 251cc até 450cc.
E-CRF 10 (Monomarca) - Somente para moto Honda CRF 230F (exceto piloto ranqueado).
EF (Força Livre) - Feminina.
Trilheiros Importada - Pilotos que nunca participou de provas de enduro (motos importadas).
Trilheiros Nacional - Pilotos que nunca participou de provas de enduro (motos nacionais).
Equipe - Soma dos três melhores tempos na geral de cada equipe.

A Copa EFX Brasil de Enduro é realizada pelo Adrenatrilha Trail Club com patrocínio da Honda, co-patrocinio da Rinaldi e IMS, e apoio da Motofield, Sig Visual, Stocovich, Edgers, Color Art, Ibéria, Rota do Frango e Prefeitura de Mogi das Cruzes (SP).

Colaboração e foto: Publix/Mauricio Arruda