Bárbara Neves levou o Team Rinaldi ao lugar mais alto do pódio no fim de semana, dias 28 e 29 de julho, e não foi apenas uma vez. A atleta venceu a terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Cross-Country, realizada junto ao Goiano, em Anápolis, e as 6h de Cross-Country, em Araguari, no estado de Minas Gerais.

No sábado, ela ganhou a categoria Feminina do Brasileiro de ponta a ponta, seguindo firme em primeiro lugar na classificação. E no domingo, conseguiu manter o ritmo na classe Iron Man Nacional das 6h de Cross-Country, uma prova tradicional, que exigiu bastante resistência dos competidores.

“Fiquei muito feliz com meu desempenho, principalmente nas 6h de Cross-Country, onde fui a única mulher participante, vencendo não apenas a Iron Man Nacional, mas também o evento geral. Foi um desafio repleto de pedras, no qual os pneus Rinaldi SR 39 e HE 40 me ajudaram bastante”, explica.

Agora, Bárbara se prepara para o próximo desafio. Nos dias 25 e 28 de agosto, em Socorro (SP), ela encara a quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Hard Enduro, competição na qual é líder da categoria Feminina. A expectativa é buscar mais uma vitória e pontos importantes na tabela.

Colaboração e foto: ID – Assessoria de Comunicação Estratégica/Danyllo Proto | MXGO.com.br

Os brasileiros Eliton Kawakami e Bruno César foram convidados para participar da quinta edição do Yamaha VR46 Master Camp. Os pilotos competem, respectivamente, nas categorias SuperSport e Yamalube R3 Cup, do SuperBike Brasil. O VR46 Master Camp é uma sessão de treinos organizada pela Yamaha em parceria com a Valentino Rossi’s VR46 Riders Academy e seleciona jovens talentos do motociclismo para aperfeiçoamento. O evento acontece entre 27 e 31 de julho, no Misano World Circuit Marco Simoncelli, autódromo italiano que fica próximo da cidade de Misano, no Mar Adriático.

Todas as motos do evento, modelo YZF-R3, estarão calçadas com pneus Pirelli DIABLO™ Supercorsa. Na dianteira, serão usadas medidas 110/70 ZR 17 com composto SC1. Na traseira, serão 140/70 ZR 17 com composto SC2. São os mesmos pneus utilizados na categoria WorldSSP300 do FIM Superbike World Championship.

Colaboração e foto: Pirreli

Com a proximidade do evento, cresce a expectativa para a quarta etapa da Copa EFX Brasil, que será disputada no próximo domingo, dia 29, em Bueno Brandão (MG). A cidade mineira, localizada na divisa com o estado de São Paulo, prepara sua estreia no calendário da competição de enduro.

A prova terá quatro voltas por um percurso de aproximadamente 30 quilômetros com três especiais cronometradas. O público poderá acompanhar a passagem das motos a partir das 9h da manhã, quando os competidores começam a largar do Campo de Aviação, na Rua Luís Coutinho da Rocha, s/n, que também será o local de concentração das equipes.

Vice-líder da categoria E4, Renan Bueno (IMS Racing) é um dos pilotos da cidade em condições de brigar pela vitória e conta com o apoio da torcida. "A estrutura montada no Campo de Aviação possibilita uma vista privilegiada da maior parte das especiais. Ter uma etapa em casa é muito empolgante e vou fazer o meu melhor para buscar um bom resultado", destacou Renan.

O atleta bueno-brandense garante que vale a pena prestigiar a corrida que integra as festividades de inverno do município. "Além das belas cachoeiras, Bueno Brandão possui excelentes trilhas com variados tipos de terreno, bastante mata fechada e trechos com pedras. A cidade é muito hospitaleira e está de braços abertos para receber as equipes, pilotos e seus familiares", completou o piloto.

Outro destaque da competição, o experiente Nielsen Bueno (Power Husky), primo de Renan, representa a cidade na categoria Elite, a principal da Copa EFX. Depois de um terceiro lugar na primeira etapa, Nielsen sofreu uma lesão e perdeu as duas rodadas seguintes, mas já está apto a acelerar novamente nas trilhas entre os pilotos de enduro mais rápidos do país.

As inscrições para a prova podem ser realizadas com desconto através dos sites www.adrenatrilha.com.br e www.megatrilha.com.br até quinta-feira, dia 26. Para mais informações entre em contato com o Adrenatrilha Trail Club através do telefone (11) 4513-5421.

Serviço

Copa EFX Brasil - 4ª etapa
Data: 29 de julho de 2018
Cidade: Bueno Brandão (MG)
Local: Campo de Aviação
Endereço: Rua Luís Coutinho da Rocha, s/n
Inscrições: antecipadas com desconto até o dia 26 de julho
Informações: (11) 4513-5421 Adrenatrilha / (11) 99956-8006 Fábio Simões (Fabião)
Transmissão ao vivo: página do Adrenatrilha Trail Club no Facebook
Sites: www.adrenatrilha.com.br e www.megatrilha.com.br

Programação*

Sábado (28/07)
6h -  Abertura do parque de eventos para montagem dos boxes;
15h - Abertura da secretaria para entrega de material;
16h - Início do show de manobras radicais da equipe Xmotos Show;
18h - Término do show de manobras radicais da equipe Xmotos Show;
18h30 - Fechamento da secretaria para entrega de material.

Domingo (29/07)
7h -  Abertura da secretaria;
7h30 - Início da vistoria técnica e entrada no parque fechado;
8h45 - Briefing técnico aos pilotos e equipes;
9h - Início das largadas com os primeiros pilotos;
10h - Fim da vistoria técnica e entrada no parque fechado;
10h - Fechamento da secretaria;
15h - Previsão da premiação aos campeões;
17h - Encerramento das atividades.

*Programação sujeita a alterações

Categorias
Elite (Força Livre) - Pilotos classificados no resultado geral do Campeonato Brasileiro e EFX Brasil.
E1 (Pró) - Motos até 150cc 2T e até 250cc 4T.
E2 (Pró) - Motos de 175cc até 250cc 2T e de 251cc até 450cc.
E3 (Pró) - Motos acima 251cc 2T e acima de 450cc 4T.
E4 (Pró) - Motos originalmente de até 28CV.
E35 (Força Livre) - Pilotos acima de 35 anos completados no ano.
E45 (Força Livre) - Pilotos acima de 45 anos completados no ano.
E50 (Força Livre) - Pilotos acima de 50 anos completados no ano.
E5 (Novato) - Motos até 150cc 2T e até 250cc 4T.
E6 (Novato) - Motos de 175cc até 250cc 2T e de 251cc até 450cc 4T.
E8 (Novato) - Motos originalmente de até 28CV.
EF (Força Livre) - Feminina.
Trilheiros Importada - Pilotos que nunca participaram de provas de enduro (motos importadas).
Trilheiros Nacional - Pilotos que nunca participaram de provas de enduro (motos nacionais).
Equipe - Soma dos três melhores tempos na geral de cada equipe.

A Copa EFX Brasil 2018 é realizada pelo Adrenatrilha Trail Club com o patrocínio da Honda, o co-patrocínio da IMS e o apoio da Motofield, Sig Visual, Tech Ride, Edgers, CrossFit Saúde, Jeri Adventure Ride, Art Video, Colorart, MR Pro, Gat Logística, Pró Moto, MR Segurança Eletrônica, Art Pedras Mármores e Granitos, Circuito Serras Verdes, Prefeitura Municipal de Bueno Brandão e Comtur. 

Colaboração e foto: Publix/Lucidio Arruda

Pilotar uma moto não é tudo igual. Cada modelo exige do piloto conhecimento e horas rodadas pelas estradas da vida. Engana quem acha que rodar em uma moto esportiva é a mesma coisa de uma big trail ou vice versa. 

Pensando nisso, o piloto e instrutor Luciano Peixoto, lançou seu novo curso para os adeptos das motos big trail. Um curso com o objetivo de garantir o prazer de pilotar com segurança. Instruções sobre o posicionamento correto de pilotagem; controle da moto em subidas e descidas; leitura de terreno; parada de emergência; frenagem; ajustes mínimos na motocicleta e muito mais! 

O cursos será ministrado no próximo 25 de agosto, no Hotel Fazenda Coronel Jacinto - Bragança Paulista/SP. O investimento é de R$ 1.200,00 pagos em até 4 parcelas no cartão, com 5% de desconto para pagamento à vista e mais 10% para os membros da Comunidade Motorrad Experience*. 

Não conhece ainda a Comunidade Motorrad Experience? Então se inscreva lá no link https://motorradexperience.com.br/…/curso-de-pilotagem-off…/ 

Faça parte desta grande e forte Comunidade Motorrad Experience e *solicite o seu cupom de bônus para os cursos e workshop. 

Para saber mais, acesse: www.motorradexperience.com.br/comunidade 

Por Leo "Corrosivo" com apoio de Luciano Peixoto.

Maiara Basso foi a destaque do Team Rinaldi na terceira etapa do Campeonato Gaúcho de Velocross 2018, realizada no fim de semana, dias 21 e 22 de julho, na cidade de Dona Francisca, localizada na região central do estado. A atleta de Gentil venceu a VXF de ponta a ponta, mas segue em terceiro na classificação.

Além dela, os irmãos Lucas e Mateus também defenderam a equipe, conquistando bons resultados para a temporada. Lucas ficou em segundo lugar na VX1 e em quarto na VX2, enquanto Mateus foi o terceiro na VX1 e o segundo na VX2. Todos utilizaram os pneus Rinaldi HE40 e RS47.

Para Maiara, foi uma grande conquista. “Eu venci a abertura, mas não pude alinhar no gate da segunda rodada, pois a data coincidiu com outra competição. Então, essa vitória foi bem importante, tenho que recuperar os pontos perdidos se quiser garantir o título”, explica a atual campeã brasileira da modalidade.

O Campeonato Gaúcho de Velocross 2018 volta a reunir os melhores pilotos do estado em menos de um mês; a quarta etapa está programada para acontecer nos dias 11 e 12 de agosto, no município de Tupanciretã. A expectativa do Team Rinaldi é brigar pelos lugares mais altos do pódio.
 
Colaboração e foto: ID – Assessoria de Comunicação Estratégica

A polivalência e robustez da Yamaha TT-R 230 é inegável, e a cada competição ela prova isso. Além da vitória esmagadora no Enduro de Regularidade, no mesmo fim de semana o modelo conquistou mais um feito. Rodrigo Khezam e sua TT-R 230 venceram a etapa 4ª etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Baja, realizado na cidade de Lençóis Paulista.

Foram 224 km de prova disputados em dois dias, sendo a maior parte do trajeto, por entre plantações de eucalipto. As altas velocidades marcaram a etapa.

Além de vencer a prova na categoria Nacional, Khezam conseguiu um incrível 2º lugar na Geral, disputada por todas as motos, incluindo modelos especiais de alta cilindrada.

Com três vitórias e um segundo lugar, Rodrigo disparou na liderança do campeonato na categoria Nacional e segue na vice-liderança na Geral. 

Colaboração e foto: Yamaha do Brasil/Donizetti Castilho

 

Além da conquista de Fábio Coelho, vencendo todas as etapas na Categoria Brasil do Brasileiro de Regularidade, Jomar Grecco é tricampeão e na Master competindo com as WR 250 e WR 450. 
 O Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade 2018 chegou ao fim e da melhor forma, com a Yamaha no pódio. Fábio Coelho Amaral conquistou o título na Categoria Brasil, competindo com uma TT-R 230, e Jomar Grecco sagrou-se Tricampeão Brasileiro de Enduro na Categoria Master com as WR 250 e WR 450.

Depois de passar por Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais, Espírito Santo e Santa Catarina, os pilotos voltaram novamente ao estado do Espirito Santo, mais precisamente na cidade de Viana/ES, para o desafio final. Nesta última etapa, disputada entre os dias 20 e 21 de julho, foram quase quatrocentos quilômetros de muitas trilhas para definir os campeões brasileiros da temporada.

Logo em sua primeira vez disputando uma temporada por inteiro do Campeonato Brasileiro de Enduro, o mineiro Fábio Coelho Amaral foi destaque na competição. Com uma Yamaha TT-R 230, disputou a Categoria Brasil – destinada às motocicletas nacionais – e venceu todas as provas que disputou. Assim, conquistou o título de forma invicta, subindo no mais alto degrau do pódio em todas suas participações no ano.

“Foi incrível poder participar pela primeira vez de toda a temporada do Campeonato Brasileiro. Tive que encarar com minha TT-R 230 trilhas bem diversificadas, de diferentes estilos. Desde as trilhas lisas no Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina, passando pelas pedras de Minas Gerais e finalizando com as matas fechadas e serras capixabas, a moto se portou muito bem e assim conseguimos liderar todo o campeonato, desde a primeira prova. Finalizar com o título de Campeão Brasileiro é gratificante, tenho que agradecer demais a minha equipe, patrocinadores e todos que acreditaram e torceram por mim. Esse título não é meu, é de todos nós”, comemorou o novo Campeão Brasileiro de Enduro invicto da Categoria Brasil.

 Iniciando o ano em plena recuperação de uma lesão que exigiu inclusive uma cirurgia, o capixaba Jomar Grecco começou de forma moderada a temporada, crescendo ao longo do campeonato. A coroação de tanto esforço veio com mais uma vitória, a terceira consecutiva do piloto da Yamaha. Das seis provas disputadas no ano, o piloto venceu as três últimas para arrematar mais um troféu de Campeão Brasileiro, o terceiro de Jomar na categoria Master.

“Essa conquista teve um sabor especial. Comecei a temporada lesionado e foi bem difícil superar as dificuldades. O campeonato todo foi muito disputado e à medida que me recuperei, consegui imprimir um ritmo melhor. O título só veio no último dia de prova do campeonato. Como o regulamento não permitia o descarte da última prova, estava totalmente aberto. Mas no final deu tudo certo e foi bom demais poder conquistar mais um título, principalmente pelo fato de ter sido no meu estado e perto da minha família e amigos”, comemorou o novo Tricampeão Brasileiro de Enduro na Categoria Master. 

Apesar da conquista dos títulos nacionais, os pilotos da Yamaha O2BH Racing não têm muito tempo para comemorar.  Ambos participarão de importantes provas como Ibitipoca Off-Road e o Enduro da Independência, onde Jomar tentará o pentacampeonato, e Fábio o Bicampeonato. 

Colaboração e foto: Yamaha do Brasil/Janjão Santiago

Os pilotos Bruno Crivilin e Vinicius Calafati, da equipe Orange BH KTM América Racing, estarão no Viana Adventure, prova de encerramento do Campeonato Brasileiro de Regularidade. Enquanto Crivilin disputa a prova na Categoria Master, Calafati larga antes de todos os pilotos e vai abrir a prova.

Há três anos sem disputar uma prova do Enduro de Regularidade, Bruno Crivilin estará de volta à modalidade neste final de semana, na prova de encerramento do Campeonato Brasileiro, em Viana/ES. A última prova que o capixaba disputou foi o Enduro da Independência de 2015, quando foi vice-campeão na categoria Master.
 
Crivilin está disputando o Brasileiro e o Mundial de Enduro FIM. No Brasileiro lidera a Classificação Geral e a Categoria E1 e já pode ser campeão por antecipação na próxima etapa. No Mundial ele é o sexto colocado na sua Categoria. Com uma brecha na agenda de competições, o jovem piloto fez questão de participar do Viana Adventure, que acontece em seu estado natal.
 
“Gosto muito do Regularidade e tenho muitos amigos disputando. Já corri algumas provas como o Polenta e o Independência, mas tem tempo que não encaro uma planilha e os equipamentos de navegação. Gosto muito de andar de moto e encarar diferentes modalidades. Se pudesse corria tudo, Enduro FIM, Regularidade, Hard. Queria muito fazer também o Ibitipoca e o Independência. Quero ver se consigo fazer mais uma prova do Brasileiro de Hard também esse ano. É uma pena que a agenda não permite a gente fazer tudo”, explicou Crivilin, que vai encarar a prova à moda antiga. "Apesar dos novos sistemas de navegação por GPS e fone de ouvido, vou andar como andava antes, com planilha de papel e navegador. Acho mais gostoso e acho que a gente tem que se concentrar mais”, finalizou o piloto.
 
Quem também estará presente no Viana Adventure junto com Crivilin é seu companheiro de equipe, Vinicius Calafati. Mas se Crivilin resolveu encarar a Categoria Master, Calafati achou melhor não enfrentar o difícil desafio. É que o piloto, líder do Brasileiro de Enduro FIM, não tem tanta intimidade com a navegação. Por isso mesmo estará participando da prova, mas como “abre trilha”, largando antes de todos os pilotos e abrindo a prova junto com Edmilson Campos, responsável pelo levantamento do percurso.
 
“Não tenho intimidade com a modalidade então preferi não arriscar. É a final do Campeonato Brasileiro, a adrenalina vai estar alta com as disputas pelo título, então preferi não correr nesta prova para não atrapalhar ninguém, já que era o que provavelmente poderia ocorrer”, riu o piloto, que continuou: “Mas acho muito bacana a modalidade, tenho vontade de experimentar. Vou abrir a prova e assim tenho a oportunidade de conhecer a prova e as trilhas da região, que dizem são muito bacanas. Serão quase 400 quilômetros em dois dias, acho que vou curtir”, finalizou Calafati.
 
Depois do Viana Adventure os pilotos da Equipe Orange BH KTM América Racing se preparam para a penúltima etapa do Campeonato de Enduro FIM, em Farroupilha/ES, nos dias 4 e 5 de Agosto. Logo depois Crivilin embarca para a Europa, onde fica por quase dois meses e disputa mais duas provas do Mundial de Enduro.

Colaboração e foto: Oranje BH/Jnjão Santiago

Uma das principais competições do motociclismo brasileiro vai invadir as trilhas de Bueno Brandão (MG). No dia 29 de julho, a bela cidade mineira, famosa pelas lindas cachoeiras e belezas naturais, será palco da quarta etapa da Copa EFX Brasil. A prova fará parte das festividades de inverno do município.

Pilotos e equipes de diversas regiões do país são aguardados no evento que terá sua base no Campo de Aviação, na Rua Luís Coutinho da Rocha, s/n. As motos começam a largar do local de concentração às 9h para os desafios da competição que nesta rodada abre a segunda metade da temporada 2018.  

O trabalho de levantamento das trilhas segue em ritmo acelerado. Cada volta da prova deve contar com cerca de 35 quilômetros. Estão previstos dois CHs (Controles de Horário) e três Testes Cronometrados. Mais detalhes serão revelados em breve pela organização.

As categorias Trilheiros Importada, Trilheiros Nacional, Feminina e Nacional Novato, que são as que mais crescem no campeonato, terão os 10 primeiros colocados premiados, dobrando a quantidade de pilotos homenageados nestas classes.

As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas até o dia 26 com desconto através dos sites www.adrenatrilha.com.br e www.megatrilha.com.br. Os interessados em participar podem obter mais informações com o Adrenatrilha Trail Club através do telefone (11) 4513-5421.

Serviço

Copa EFX Brasil - 4ª etapa
Data: 29 de julho de 2018
Cidade: Bueno Brandão (MG)
Local: Campo de Aviação
Endereço: Rua Luís Coutinho da Rocha, s/n
Inscrições: antecipadas com desconto até o dia 26 de julho
Informações: (11) 4513-5421 Adrenatrilha / (11) 99956-8006 Fábio Simões (Fabião)
Transmissão ao vivo: página do Adrenatrilha Trail Club no Facebook
Sites: www.adrenatrilha.com.br e www.megatrilha.com.br

Programação*

Sábado (28/07)
6h -  Abertura do parque de eventos para montagem dos boxes;
15h - Abertura da secretaria para entrega de material;
16h - Início do show de manobras radicais da equipe Xmotos Show;
18h - Término do show de manobras radicais da equipe Xmotos Show;
18h30 - Fechamento da secretaria para entrega de material.

Domingo (29/07)
7h -  Abertura da secretaria;
7h30 - Início da vistoria técnica e entrada no parque fechado;
8h45 - Briefing técnico aos pilotos e equipes;
9h - Início das largadas com os primeiros pilotos;
10h - Fim da vistoria técnica e entrada no parque fechado;
10h - Fechamento da secretaria;
15h - Previsão da premiação aos campeões;
17h - Encerramento das atividades.

*Programação sujeita a alterações

Categorias
Elite (Força Livre) - Pilotos classificados no resultado geral do Campeonato Brasileiro e EFX Brasil.
E1 (Pró) - Motos até 150cc 2T e até 250cc 4T.
E2 (Pró) - Motos de 175cc até 250cc 2T e de 251cc até 450cc.
E3 (Pró) - Motos acima 251cc 2T e acima de 450cc 4T.
E4 (Pró) - Motos originalmente de até 28CV.
E35 (Força Livre) - Pilotos acima de 35 anos completados no ano.
E45 (Força Livre) - Pilotos acima de 45 anos completados no ano.
E50 (Força Livre) - Pilotos acima de 50 anos completados no ano.
E5 (Novato) - Motos até 150cc 2T e até 250cc 4T.
E6 (Novato) - Motos de 175cc até 250cc 2T e de 251cc até 450cc 4T.
E8 (Novato) - Motos originalmente de até 28CV.
EF (Força Livre) - Feminina.
Trilheiros Importada - Pilotos que nunca participaram de provas de enduro (motos importadas).
Trilheiros Nacional - Pilotos que nunca participaram de provas de enduro (motos nacionais).
Equipe - Soma dos três melhores tempos na geral de cada equipe.

A Copa EFX Brasil 2018 é realizada pelo Adrenatrilha Trail Club com o patrocínio da Honda, o co-patrocínio da IMS e o apoio da Motofield, Sig Visual, Tech Ride, Edgers, CrossFit Saúde, Jeri Adventure Ride, Art Video, Colorart, MR Pro, Gat Logística, Pró Moto, MR Segurança Eletrônica, Art Pedras Mármores e Granitos, Circuito Serras Verdes, Prefeitura Municipal de Bueno Brandão e Comtur.  

Colaboração e foto: Publix/Lucidio Arruda

A organização do Enduro da Independência 2018 lança a nova categoria Brasil Iniciante. O objetivo é deixar a competição para as motos de fabricação nacional, refrigerada a ar de até 300cc mais equilibrada entre os participantes.

Com o lançamento da nova Categoria Brasil Iniciante, os pilotos passam a ter dois tipos de média na prova, a Brasil que utilizará a média e trajeto 02 (dois –  atrás da Over 40) e Brasil Iniciante percorrerá com média e o trajeto 04 (quatro – atrás da Novatos).

Se você ainda não fez sua inscrição na prova é só acessar o site: www.endurodaindependencia.com e se já fez a sua inscrição e quer mudar de categoria entre em envie um e-mail para: contato@ipesoffroad.com.br ou contato@corrosivofilmes.com.

PROGRAMAÇÃO DA PROVA 2018:

04/09
Entrega de Material e Largada Promocional em Lavras/MG
05/09
Lavras/MG a Lavras/MG
06/09
Lavras/MG a Lambari/MG
07/09
Lambari/MG a Itajubá/MG
08/09
Itajubá/MG a Itajubá/MG

O Enduro da Independência 2018 conta com o patrocínio e apoio da Honda do Brasil, Yamaha do Brasil, O2BH Yamaha, ASW Racing, Rinaldi Pneus, Cervejaria Backer, Menta Motos, BMP Especial Parts, Tecar Jepp, Água Mineral Ingá, Microcity, Prefeitura Municipal de Lavras, Prefeitura de Lambari e Prefeitura Municipal de Itajubá.

Colaboração e foto: EI 2018/Leo Tavares/CF