Simulado do Enduro da Independência 2018 por Saulo Silva!

Saulo silva, natural da cidade de Luminárias no sul de Minas viu quando criança os pilotos dos Enduro da independência cruzar a cidade. Encantado com aquela festa, Saulo prometeu a si mesmo que um dia iria correr a prova. Anos depois o sonho tornou realidade e de lá prá cá já são mais de 10 anos envolvido como piloto e colaborador do evento.

Em 2018 não poderia ser diferente e Saulo Silva novamente participou da prova e conheceu o trajeto antes dos competidores na função de realizar o percurso como um Simulado de prova ao lado dos pilotos, Lúcio Ribeiro, Higino Vasconcelos e Kenio Nogueira da equipe técnica do evento.

Foram 04 dias de muita aventura rumo às trilhas altas da Mantiqueira que resultou em um texto repleto de detalhes e muitas histórias para guardar na mémoria.

DIA 1- SUPERAÇÃO.

O EI começa em 2018 com o dia mais difícil dos 4, pois será nas trilhas de Lavras/ Itumirim, conhecidas por serem de alto nível técnico. Segundo o Sayron, que conferiu a Média 2 resumiu em duas palavras "para bens". Segundo Higino e Keninho, na média 3 e 4, uma prova dura, mas será o grande desafio de 2018, vencê-lo será a certeza que dias mais fáceis virão.

DIA 2- O DIA DAS PEDRAS .

Logo após a largada, em Lavras, "rocks and mountains" e quando chega nas trilhas de Luminárias/São Thomé das "PEDRAS", elas literalmente tomam conta do cenário, sendo o desafio do dia mais longo com 184 km. Andar rápido nas trilhas intermediárias que dão acesso às mais exigentes será importante, até a chegada junto ao Lago e Cassino de Lambari MG.

DIA 3- O DIA DA EMOÇÃO

Desde a largada a emoção tomará conta do piloto. Médias 1 e 2 pegarão o primeiro desafio logo no início, marcando a mudança das pedras, para o "liso". Depois entremeio às trilhas rápidas, de mata e descidas íngremes , os pilotos serão recebidos como heróis nas cidades pequenas pelas crianças com bandeiras e festa. Será impossível não se emocionar.

DIA 4 - FESTA DO REGULARIDADE.

O último dia do EI 2018 será pelas "TRILHAS ALTAS DA MANTIQUEIRA", onde o roteiro celebra o Regularidade, com os "balaios" entre subidas e descidas íngremes das encostas da Mantiqueira, e no zig-zag por matas muito lisas, a média muito justa obrigando a acelerar tudo. Ao final, em Itajubá MG os campeões dignos do desafio fantástico enfrentado, receberão os merecidos troféus, fechando a festa, com todos os pilotos, apoios, organização e todos envolvidos nesta grande caminhada chamada Enduro da Independência, VIVA O REGULARIDADE!

Agradeço a organização por fazer parte desta equipe!

Aos amigos, Higino, Kenin, Jornal, Sayron, Lúcio e Jacob

Que venha o EI 2018 !

Por Leo Tavares com colaboração de Saulo Silva.